BLOG

AGUDO = FLUXO DE AR ...

Um erro mais comum e que invibializa a execução escorreita de agudos está no fato de tensionar a embocadura.

Isso cria um agudo sem vida, sem cor, sem graça, e as vezes o mesmo nem sai.

A impostação do grave consiste em aumentar o espaço interno da boca o que produz o grave com maior facilidade e beleza.
Se abrir o maxilar no agudo, vai aumentar o espaço e isso nao vai ajudar no agudo.

No agudo, o que precisa ser feito, é aumentar um pouco mais a vazao de ar. Soltar mais ar.
Assim, a nota saira cheia e afinada. Não precisa soltar tanto ar ao pondo de aumentar o volume da nota, ficar alto.
É questão de aumentar só um pouquinho, a vazao de ar.

Se for o caso, tensione a embocadura. Mas muito pouco. Aqui acontece o erro. 99% aperta de mais, ... se cortam as vezes, se machucam e estrangulam a nota. Isso é o errado.
Se soprar mais, vai dar tudo certo, e nao vai se cortar.

A palheta não pode ser muito leve para sua embocadura. Se for, o Agudo sai muito estridente, e isso deixa o agudo feio tambem. Sua palheta apita? É Sinal de palheta leve de mais.

Quando você sai de um Sol agudo para um Fá Agudíssimo falha?

É sinal de palheta leve. Cuidado com isso.

Grande abraço e bons estudos.

 


Leia mais ›

CATEGORIAS

ARQUIVOS

PARA ASSINANTES

A NOTÁ LÁ
cadeado

5 vídeos

Nota lá - estudo completo.

Sax tenor

DA EMBOCADURA
cadeado

1 vídeo

DA EMBOCADURA

Sax tenor

NOTAÇÃO MUSICAL - PALAVRA INTRODUTÓRIA
cadeado

3 vídeos

NOTAÇÃO MUSICAL

Sax soprano

© 2019 Lander Sax. Todos os direitos reservados. LanderSax