BLOG

BOQUILHAS PARA SAXOFONE TENOR

Olá! Se você Toca saxofone Tenor, e está meio perdido sobre o tema boquilhas, ... aqui um pequeno guia para você começar sua procura.

Eu costumo dizer para meus alunos para não trocarem de Boquilha no primeiro ano de estudo de Saxofone. Fique com a que vem no Sax mesmo.

Se ela não tem número, é porque é numero padrão 4 de abertura, e por isso, é perfeita para se iniciar os estudos de Saxofone. Depois de Um ano, até um ano e meio de estudo diário, você vai ter conhecido bem os sopro, a embocadura, e então sim, troque de boquilha.


Ao trocar de boquilha antes disso, o Aluno tende a não permitir conhecer sua própria embocadura, pois não dá tempo de criar uma "memória muscular" e sendo assim, é comum colocar todo o problema na Boquilha.

Assim, troca-se .. e troca-se de novo , etc ... mas nunca você vai se permitir saber onde estão suas limitações e onde estão as limitações da Boquilha entende?

 

O que você pode fazer agora, é trocar palheta, experimentar todas que você conseguir comprar uma por mês ... n. 1.5 ou n. 2
Pegue um caderno, anote nome da palheta, data que começou a usar ... o que gostou dela e o que não gostou.
Na segunda semana escreva ... o que gosta ainda, ... ela melhorou? ta mais facil, ta mais dificil?
No outro mês, outra folha do caderno, nome da palheta, data que começou a usar, ... impressões iniciais, ...
Fazendo isso vai achar sua palheta ideal. veja a que é melhor para você ... e abuse das marcas....

Mas vou escrever minhas impressões Gerais sobre boquilhas para sax Tenor.

Vou escrever algumas Boquilhas aqui ... As Guardalas, nem vou me atrever. Sabemos que as Hand Made são as melhores ... e as mais caras do Planeta. Referencia é o Michel Bracker. As feitas por máquinas (ditas Studio) são boquilhas boas, mas modernas com timbre moderno e por isso rejeitada por muitos.

Hoje, uma Boquilha mais simples da Guardala, custa em torno de 700 Euros.

Agora vamos começar ...

A Boquilha para Tenor ao meu ver,  precisa ser no mínimo n. 6. 

Geralmente se for menor que isso, pode ocorrer do som do Sax Tenor se confundir com o som do Sax Alto, e isso seria uma catástrofe.

Salvo as boquilhas Vintages que como as Otto Link, possuem numerações como 4 e ainda assim produzem uma sonoridade maravilhosa, mas essas são exceções. Vou começar pelas Otto link então, pois é impossível falar em sax Tenor sem nomeá-las. Advirto que essas boquilhas são muito boas, mas no Sax Tenor. No Alto e soprano temos opções melhores.

Ernie Watts usa uma Boquilha Otto Link n. 13 com palheta Legere 2, isso é uma combinação muito pesada. Mas a sonoridade compensa.

Eu chamo a atenção que para tenor uma abertura acima de 7 pode ficar pesado para sopra, já que uma palheta 1.5 não timbra nessas boquilhas necessitando uma palheta de 2.5 para cima.

Otto Links

Ben Webster - Otto link 4**** vintage

A otto link 4**** vintage dos anos 30-40 tem um som fantástico bem encorpado e com volume, mas bem escuro mesmo, nela você consegue tirar o som do Ben Webster, mas como são geralmente fechadas aberturas entre 3-5 você tem de mandar refacear para abrir e são muito poucos no mundo que conseguem algo bom nelas, porque tem paredes muito finas e se errar é lixo na boquilha. sao raras de achar também, mas são excepcionais. Eu tenho uma dessas, foi a que usei nesse Vídeo aqui, ... simplesmente Fantástica.


 

Coltrane - Tone master ou master link

A otto link tone master ou master link é o modelo vintage dos anos 40-50 usado pelo Coltrane e muitos outros. Tem mais potencia de som que a 4**** com som bem escuro também mas com mais volume e em aberturas maiores. Essa boquilha tem muita resistência a certas palhetas o que atrapalha no inicio e demanda um tempo maior de estudo e busca de um bom setup. Tem um som bem centrado e legal, mas no dia a dia é meio pesada de tocar na minha opinião. Som escuro e gordo próprio das bigbands.


A new vintage otto link tone master de metal, feita atualmente é baseada na boquilha tone master acima. Tem as mesmas características básicas, mas é um pouco mais brilhante, acho legal também, mas com a mesma resistência a certas palhetas mais percussivas como a java e v16, que em tese são as melhores para ela para compensarem a questão do som bem escuro.

 

 


Otto link double ring, consideradas as melhores links já feitas, tem projeção e sonridade fantástica em todos registros, o som é bem gordo e profundo e a qualidade é a mesma em qualquer dinamica do ppp ao fff.  Sao perfeitas em tudo, fácil de articular, emissao, graves e agudos. Sao bem leves e finas, o que faz a camada interna ficar maior ainda e bem trabalhadas.


Otto link florida transitional dos anos 1950, tem as mesmas caracteristicas da link double ring, mas com mais projeção devido a curva do rollover ser bem acentuada dando mais brilho nos agudos e super agudos. Sao tao dificeis de achar quanto as double rings e valem tanto quanto, aceitam qualquer palheta, tem projeção, tem som gordo e cheio, tem resposta rapida, articulaçào, emissão, etc. E como as double ring permitem você fazer nelas o som que quiser de agressivo/pop ao traicional jazz e até erudito passa nelas. Sao realmente fantásticas, tem numero de serie, sao bem leves e finas e mais curtas, como as guardalas handmade 3 digitos.
 


Otto link florida sao excelentes para tocar com muita projeçõ e pegada, som bem redondo nos graves, boa projeção, aceita a maioria das palhetas sem problema, dá corpo ao som, a respota é um pouco mais lenta que as double rings e transitional, mas excelente também, tem o som classico do sax tenor. Sao excelentes e super versateis, se achar uma não pense compre.

Otto link early babbitt florida anos 60-84, sao modelos vintages da link, mas com som mais brilhante e grande projeçào comparado com as florida, mas perdem um pouco nos graves porque ficam com muita atenção para os agudos, compensando um problema recorrente das links florida, agudos pequenos, que na verdade dependem de mais estudo e controle/pressão da coluna de ar, que a maioria das pessoas não gosta de estudar nas boquilhas vintages. Acho boa, mas por ser bem mais brilhante acho o som meio exagerado e acho que perde o peso dos graves também. No mais tem tudo de bom das links em materia de resposta, articulação, aceita todas palhetas etc.

 


Modelos atuais STM (super tone master), sao os modelos normais da link, que tem as mesmas caracteristica da early babitt, mas com menos projeção nos agudos, funcionam bem mas não tem o som das grandes vintages, se acertar a palheta mais percursiva tem uma ótima sonoridade caracteristica do tenor, sao pau para toda obra, mas cuidado com os agudos e super agudos, precisa do domínio dos harmonicos em dia para sairem limpos e com volume.

Modelos atuais NY, tem as mesmas caracterisiticas dos modelos STM, msa com camara mais larga permitem um som mais cheio e gordo para mim, voltando a caracterisitica real das florida vintages, sao muito intressantes em resposta, os agudos precisam de cuidado para não sumirem e acho que funciona bem com palhetas percursivas (ex: palhetas rico jazz select,  Vandoren Java, Vandoren V16,  Alexandre superial DC , e Frederick Heemke).
Eu Recomendo a numero 7. Acho que é a que possui melhor resposta para essa boquilha.
Acho o melhor modelo de metal da link atual, chega bem perto das principais caracterisiticas da vintages.


STM (super tone master) é um modelo padrão da link desde os anos 50. O que muda mesmo é o final do modelo transitional, florida, early babbitt florida, stm sem nada, stm NY.

 

Boquilha Vintage OttoLink hardrubber n. 6* - Joshua Redman

Som na Fronteira do Moderno com o Vintage. Uma ótima pedida para quem quer versatilidade.

Aceita quase todas as palhetas.

Ele usa uma abraçadeira Françoes Loues, Palheta Vandoren V16 número 3.5

Berg Larsen Hard Rubber #90/2

Eu Usei essa boquilha por muito tempo. Sem palavras. Excepcional. Aceita todo o tipo de palheta. E um Timbre muito bom de tenor, Encorpado, resposta rápida. Importante dizer ... Talvez você pense: _ Mas professor, se era tão boa porque você não usa mais? Uso, as vezes toco ainda com ela, ... mas todo Saxofonista é assim, ... estamos sempre testando, experimentando, inovando... O Casamento é para Sempre, ... e ainda assim tem gente que troca de mulher, ... por que eu não trocaria de Boquilha? Mas fica a dica, ótima boquilha. Mesmo.

 

A Dukoff D7 - Eu obtive bons resultados para Essa numeração. Aceita quase todas as palhetas de Bambu, e vai te dar o som caracteristico das Dukoffs, som cheio, expressivo, graves fáceis de emitir, e combinando a palheta certa agudos agradáveis.

 

Vandoren V16 Metal


Uma Boquilha que supriendeu no Tenor, foram as V16 de Metal.
Elas são inspiradas nas Otto Links Vintages.

 

São folhadas a Ouro 24K, para escurecer a Sonoridade.

São oferidas nas numerações T45 (corresponde a uma boquilha n. 6), T55 (corresponde ao n. 7) T75 (Corresponde a 7* é a mais vendida)  T77 (corresponde a 8) e a n. T95 ( Corresponde a uma boquilha n. 9)

Uma Das interpretações mais bonitas que ouvi no ultimo ano, foi feito justamente com essa boquilha.

Aqui, o Saxofonista Brian Clancy usou uma T45, correspondente a uma Boquilha n. 6.  
Achei muito Fechada, eu uso uma T9 Adorei ...
Mas o que ele fez nesse Video com uma T45 é incrível.

 

Vandoren V16 Massa T8

É a referencia entre os Tenoristas. Eu achei uma boquilha simples, sem projeção ... lembra a Meyer 7M no Sax Alto.

Mas muitos adoram, entre eles um nome de Peso é o Saxofonista Kirk Whalum, que trocou a boquilha Sugal 9 Metal que usou durantes anos, por essa boquilha a Vandoren V16 T8 Massa

Não se esqueça de um Detalhe ... o Saxofone que ele usa, é um Julius Keilwerht, Saxofone Alemão com muita Projeção de Som, ou seja, o Sax fala alto, alto mesmo.

Som Acústico.

Som Com microfones, efeitos e tudo mais.

 

 

Aqui a Sugal n. 9 Boquilha com Projeção, mas muito pesada para Soprar.

Tem que ser Tenorista mesmo.

 Boquilha Ivan Meyer feita a mão - é tambem uma ótima escolha.

Alguns tem resistência pelo fato dela trabalhar com a palheta Fibracell.

Eu possuo uma n. 9, timbre fantástico. Mas não são todos que conseguem tocar com uma abertaura assim, já que a Ivan Meyer embora seja 9, tem uma abertura de 3.10mm o que corresponde a uma abertura real de 13 numa Boquilha Dukoff por exemplo.

Então se deseja adquiri-la, compre uma n. 6, 7 ou no máximo 8.

Sei que vai Gostar.

Abraço do Professor Lander.


Leia mais ›

CATEGORIAS

ARQUIVOS

PARA ASSINANTES

NOTAÇÃO MUSICAL - Palavra Introdutória
cadeado

3 vídeos

NOTAÇÃO MUSICAL

Sax tenor

Abertura - não pule do barco
cadeado

5 vídeos

Percepção Musical

Sax alto

ABERTURA - EXPLICANDO O TEMA - O QUE VÃO DIZER?
cadeado

13 vídeos

Percepção Musical - Aula 2

Sax soprano

© 2014 Lander Sax. Todos os direitos reservados. Professor Lander